Cota em compras na fronteira pode reduzir em 50%, diz delegado

Cota em compras na fronteira pode reduzir em 50%, diz delegado

17/04/2018 às 10:00 Vista: 80 Vez(es)

Via Uirauna.NET - www.uirauna.net

O delegado chefe da Alfândega da Receita Federal em Foz do Iguaçu, Rafael Rodrigues Dolzan, afirmou que o valor da cota de compras pode cair de US$ 300 para US$ 150 com a regulamentação das lojas francas nas fronteiras. A declaração foi feita nesta segunda-feira (16) durante o evento Mercado Ilegal – Crime Transnacional no Cone Sul, organizado pelo Enecob (Encontro Nacional de Editores, Colunistas, Repórteres e Blogueiros).

Sobre a segurança das zonas livres, Dolzan endossou que a Receita Federal tem trabalhado na fiscalização. “Nós sabemos que é perigoso. Por isso, o órgão está acompanhando de perto. Temos sido extremamente rígidos nessa nova modalidade de comércio. Se houver um controle nessas áreas, ela pode ser extremamente favorável, como é o caso da zona franca de Manaus, onde há um monitoramento sobre tudo que é fabricado lá. Agora se não for controlado, ela vai com certeza facilitar a ilegalidade”, explicou.

Cédulas de dinheiro. Foto: Marcos Santos/USP Imagens

A Delegacia da Receita Federal em Foz do Iguaçu tem participação direta nas relações entre Brasil e Paraguai. No evento, o delegado ainda explicou a relação entre os dois países, que mantêm uma troca de informações. “Quando temos informações sobre mercadorias que interessam a eles, nós as passamos. Quando nos interessam, eles nos passam, para que possamos combater o contrabando. Ainda não é uma integração operacional, mas a troca de conhecimento existe”.

 

*Com Sony Lacerda

O post Cota em compras na fronteira pode reduzir em 50%, diz delegado apareceu primeiro em Uirauna.NET.

VIA: Uirauna.NET

Deixe seu comentário