Justiça Federal liberta presos investigados na Operação Gabarito

Justiça Federal liberta presos investigados na Operação Gabarito

15/05/2018 às 07:30 Vista: 301 Vez(es)

Todos os investigados na Operação Gabarito estão respondendo os processos em liberdade. A determinação da Justiça Federal se deu pelo excesso de prazo das prisões preventivas, sem previsão de julgamento.

No total, 24 pessoas foram presas durante as investigações por suspeita de fraudes em concurso públicos. Na última sexta-feira (11), as últimas seis pessoas receberam liberdade por determinação da Justiça Federal na Paraíba e em Pernambuco.

“Os réus estão presos preventivamente desde o ano passado, ocasião em que a ação penal tramitava perante a Justiça Estadual (…) patente, portanto, excesso de prazo, pois encontramo-nos numa situação de nascimento de ação penal com bagagem de 8 meses até 01 ano de prisão preventiva”, disse a juíza Cristiane Mendonça Lage, da 16ª Vara Federal na Paraíba.

A Operação Gabarito desvendou fraudes em vários concursos públicos federais, além de estaduais e municipais. Foram identificados mais de 82 suspeitos envolvidos, com 31 presos pela polícia. A quadrilha atuava há 12 anos e faturou mais de R$ 29 milhões.

As fraudes aconteciam através de dispositivos eletrônicos em provas de concursos público federais de universidades, tribunais de justiça de todo país, entre outros. Com base nisso, foi pedido pelo Ministério Público Federal (MPF) a transferência do caso para a Justiça Federal. A operação foi iniciada no mês de abril de 2017.

O post Justiça Federal liberta presos investigados na Operação Gabarito apareceu primeiro em Polêmica Paraíba.

VIA: Polêmica Paraíba

Deixe seu comentário