Prefeita Márcia Lucena assina nesta terça-feira, a ordem de serviço para as obras de reforma e ampliação da Escola Municipal Pedro Gondim, no centro de Conde

Prefeita Márcia Lucena assina nesta terça-feira, a ordem de serviço para as obras de reforma e ampliação da Escola Municipal Pedro Gondim, no centro de Conde

12/02/2019 às 18:00 Vista: 32 Vez(es)

A Prefeita de Conde, Márcia Lucena, assina, nesta terça-feira (12), às 17h, na Escola Municipal Governador Pedro Gondim, no Centro da cidade, a ordem de serviço para as obras de reforma e ampliação da Unidade de Ensino, beneficiando diretamente os profissionais e os 437 alunos e alunas matriculados na escola.

Para a realização das obras, a prefeitura está investindo R$ 529.111,39, de recursos próprios. A empresa TCL Tambaú Conservações LTDA, será a responsável pela execução das obras. O prazo de execução das obras é de 240 dias, ou seja, a previsão de entrega do serviço é outubro de 2019.

Trata-se de mais uma grande obra importante para a educação do município de Conde e com recursos próprios, onde a população pode ver os benefícios e investimentos que estão sendo aplicado na cidade com a arrecadação de tributos e impostos.

A Secretária de Educação informou que as aulas não serão prejudicadas com as obras e que todas as medidas de organização, segurança e planejamento foram tomadas. “Os pais e mães já foram comunicados sobre todo o processo de reforma e ampliação da escola Pedro Gondim. Os conteúdos planejados para as aulas do ano letivo, vão seguir seu calendário normalmente”, disse a Secretária de Educação, Cida Uchôa.

Nas obras de ampliação e reforma da Escola Municipal Pedro Gondim, serão construídas 04 novas salas de aula, pátios cobertos, playground de areia, jardim e banheiro adaptado para PCD, além de reforma de 02 salas de aula, sala da diretoria e secretaria, cozinha e despensa.

O post Prefeita Márcia Lucena assina nesta terça-feira, a ordem de serviço para as obras de reforma e ampliação da Escola Municipal Pedro Gondim, no centro de Conde apareceu primeiro em Polêmica Paraíba.

VIA: Polêmica Paraíba

Deixe seu comentário