Sem contraproposta, greve dos servidores do Município de Patos pode ter conciliação no TJ/PB

Sem contraproposta, greve dos servidores do Município de Patos pode ter conciliação no TJ/PB

10/05/2018 às 08:30 Vista: 3105 Vez(es)

A greve dos servidores do Município de Patos está completando 35 dias. Nesta quarta-feira, dia 09, aconteceu mais uma assembleia convocada pelo Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região (SINFEMP) e as categorias reafirmaram a continuidade do movimento paredista por falta de contraproposta do prefeito Dinaldinho Wanderley (PSDB).

Dr. Damião Guimarães, assessor jurídico do SINFEMP, concedeu entrevista ao jornalista Adilton Dias e não descartou a possibilidade de pedir para que o Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ/PB) possa intermediar uma audiência de conciliação na tentativa de solucionar o impasse na greve, pois o prefeito não deu resposta ao ofício do sindicato solicitando uma nova reunião.

O Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ/PB), através da desembargadora Dra. Maria das Graças de Morais Guedes reafirmou que a greve tem base legal devido as reivindicações apresentadas, além de cumprir os trâmites necessários ao movimento. Como o SINFEMP teve reunião com o prefeito e foram apresentadas propostas, agora se faz necessária um outro encontro para discutir a contraproposta.

A presidente do SINFEMP, Carminha Soares disse que a falta de contato com o prefeito está gerando mais problemas. “...até agora o prefeito não respondeu ao nosso ofício solicitando reunião para analisar a contraproposta...mandamos uma proposta intermediária e esperamos o prefeito...tá dependendo do prefeito”, comentou Carminha.

“Continua a greve por tempo indeterminado. Vamos intensificar o trabalho nos locais de trabalho, vamos visitar as escolas, creches e unidades de saúde nestes dois dias, quinta e sexta-feira. Na próxima segunda-feira, às nove horas da manhã, vamos realizar a assembleia dos quarenta dias de greve aqui em Patos...o prefeito não atendeu o ofício da audiência de contraproposta...o prefeito está nos ignorando...”, relatou José Gonçalves, vice-presidente do SINFEMP.

A reportagem tentou contato com o prefeito Dinaldinho, mas não obteve êxito.

 

 

Jozivan Antero – Patosonline.com

 


 

 


 

 

 

VIA: Patos Online

Deixe seu comentário