SUCESSÃO MUNICIPAL: sem pré-candidaturas confirmadas, indefinição marca cenário pré-eleitoral em Queimadas

SUCESSÃO MUNICIPAL: sem pré-candidaturas confirmadas, indefinição marca cenário pré-eleitoral em Queimadas

01/09/2019 às 08:30 Vista: 1319 Vez(es)

Sucessão municipal em Queimadas / Arte: Marcelo Júnior – Polêmica Paraíba

O cenário pré-eleitoral no município de Queimadas, na região da borborema, está indefinido. Sem muitas novidades na conjuntura política local, o acirramento entre o atual prefeito, Carlinhos de Tião (PSB), e o ex-prefeito Jacó Maciel (Avante) ainda não está confirmado, já que nenhum dos dois assumiu publicamente as discussões para a sucessão municipal em 2020.

Carlinhos de Tião já governou Queimadas entre os anos de 2008 a 2012, na época pelo PTB, e foi derrotado por Jacó Maciel quando buscava a reeleição. Já em 2016, o quadro se inverteu e Carlinhos saiu vitorioso, obtendo 50,34% dos votos, pouco mais de 300 votos a mais que seu concorrente. Hoje, não se sabe exatamente se esse é o cenário que deve se repetir na cidade no próximo ano.

2020

Se confirmar sua candidatura à reeleição, que é o cenário mais provável, o prefeito Carlinhos deve contar com o apoio do governador João Azevêdo e de lideranças do PTB, especialmente do seu irmão Doda de Tião, reeleito na Assembleia Legislativa da Paraíba e principal nome do grupo.  O deputado federal Wilson Santiago também deve apoiar o atual gestor.

Em contato com a reportagem do Polêmica Paraíba, Carlinhos evitou falar sobre a sucessão municipal. “Estamos dando continuidade ao trabalho, mas não temos nada definido sobre 2020”, resumiu.

O ex-prefeito Jacó Maciel continua como uma das principais lideranças oposicionistas. Ele foi candidato ao cargo de deputado estadual na última eleição e obteve 20.381 votos totalizados, mas não foi eleito para uma cadeira legislativa. Críticos do ex-prefeito, lideranças da cidade alegam que ele está inelegível por condenação no Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB).

Jacó Maciel, no entanto, não confirmou ainda se pretende disputar a prefeitura em 2020 e informou que está num processo de reflexão.  “Não tenho definição em relação à candidatura, nem vou dizer que sou candidato nem vou dizer que não sou. Eu sirvo a Deus, e minhas decisões eu deixo para que Ele possa definir por mim, então estou nesse período de oração para decidir se vou ser candidato ou não”, considerou.

Apesar das indefinições, paira no ar uma expectativa: tanto Carlinhos de Tião quanto Jacó Maciel podem estar de malas prontas para trocarem de partidos, possibilidade que eles não adiantam ainda.

O post SUCESSÃO MUNICIPAL: sem pré-candidaturas confirmadas, indefinição marca cenário pré-eleitoral em Queimadas apareceu primeiro em Polêmica Paraíba.

VIA: Polêmica Paraíba

Deixe seu comentário