ZERO83

Notícias da Paraíba e Nordeste, futebol ao vivo, jogos, Copa do Nordeste

Agência Minas Gerais | Governo e instituições de Justiça entregam, em Mateus Leme, UBS reformada com recursos do Acordo de Reparação de Brumadinho

O distrito de Serra Azul, em Mateus Leme, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), passa a contar com uma nova Unidade Básica de Saúde (UBS), totalmente reformada e equipada com recursos do Acordo de Reparação do rompimento das barragens da Vale em Brumadinho. A população agora terá mais facilidade para acessar os serviços de saúde, e um espaço com equipamentos novos, melhorando a qualidade do atendimento. 

A obra foi inaugurada nesta sexta-feira (16/2) pelo Governo de Minas, Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), Ministério Público Federal (MPF) e pela a Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG). A cerimônia de descerramento contou com a presença do governador Romeu Zema.

“Esta é mais uma obra fruto do Acordo de Reparação. E, quando se fala em saúde, para mim é muito gratificante, pois aquelas pessoas que se foram e que, infelizmente, não voltam mais, hoje estão salvando vidas em Minas Gerais, com essas novas unidades de saúde. Esses recursos estão se transformando em UBS em todo o estado, em hospitais regionais e investimento em equipamentos modernos e de qualidade. E tenho a certeza de que isso vai salvar muitas vidas”, disse o governador. Pelo acordo, as entregas e melhorias envolvem 24 Unidades Básicas de Saúde.

A diretora da Associação dos Familiares de Vítimas e Atingidos do rompimento da Barragem Mina Córrego Feijão Brumadinho (Avabrum), Alexandra Andrade, destacou o investimento, que está sendo bem investido para a comunidade.

“Isso vai melhorar um pouquinho a vida das pessoas. Já que a vida dos nossos não foram salvas, é importante que esse dinheiro ajude a salvar o maior número de vidas possível”, afirmou.

O Acordo Judicial visa reparar os danos decorrentes do rompimento das barragens da Vale S.A, que tirou 272 vidas e gerou uma série de impactos sociais, ambientais e econômicos na bacia do Rio Paraopeba e em todo o estado de Minas Gerais. No evento desta sexta-feira, uma placa em homenagem às vítimas também foi instalada no local.

Melhorias

A entrega na cidade faz parte de um projeto que prevê a reforma e a equipagem de quatro unidades básicas de saúde no município. O investimento previsto é de R$ 14,5 milhões. A iniciativa foi definida após ampla priorização na Consulta Popular e está sendo executada pela prefeitura. Ainda em Mateus Leme estão previstas intervenções nas UBS Azurita, Imperatriz e Santa Bárbara, também com execução do Executivo municipal.

A obra vai beneficiar toda a população do distrito que terá acesso à saúde de qualidade perto de casa. Como o caso do casal de idosos, Anizia Ferreira e João Ribeiro, que moram a poucas ruas da nova UBS.

“Estamos muito felizes com essa obra, pois vai melhorar demais as nossas vidas, pois agora o deslocamento para consulta vai ficar menor”, destacou Anizia.

O prefeito de Mateus Leme, Renilton Ribeiro, destacou que a população será beneficiada pela obra.

“Os moradores de Serra Azul são pessoas trabalhadoras e honestas e merecem esse investimento que, de fato, vai transformar a vida delas. Agradeço ao governador que, diante de tantos desafios, tem feito uma gestão preocupada em cuidar das pessoas e melhorar a vida dos mineiros”, disse.

 

Gil Leonardi / Imprensa MG

Entregas em saúde

A reforma e a equipagem da unidade Serra Azul, em Mateus Leme, é mais umas das entregas em saúde definidas no Acordo Judicial (Anexos I.3 e I.4). São R$ 4 bilhões destinados ao fortalecimento do serviço público na Bacia do Paraopeba, sendo R$ 1,5 bilhão para Brumadinho e R$ 2,5 bilhões para os outros 25 municípios atingidos.

A área de Saúde é prioritária entre estas as ações de fortalecimento de políticas públicas nos 26 municípios atingidos.

Para a execução de 34 projetos de saúde e desenvolvimento social nos municípios atingidos, foram destinados cerca de R$ 700 milhões em investimentos, dentro destes R$ 4 bilhões, ao longo dos três anos de execução do Acordo de Reparação.

O maior projeto para a área de saúde está sendo desenvolvido em Brumadinho: o fortalecimento do Complexo de Saúde Valdemar de Assis Barcelos, com investimento total de R$ 248 milhões.

Estes investimentos envolvem o fortalecimento de equipes, ampliação de atendimento, a construção e as reformas de unidades, a equipagem de unidades já existentes e das novas previstas no Acordo, assim como aquisições e entregas de veículos. 

Feira Livre

O município de Mateus Leme conta com 15 projetos de fortalecimento do serviço público definidos dentro do Anexo I.3 do Acordo de Reparação, em áreas como saúde, desenvolvimento social, infraestrutura e agricultura. Destes, quatro foram concluídos, nove estão em execução e dois encontram-se em fase de detalhamento pela Vale (para posterior execução).

Entre os concluídos está a estruturação de feiras livres.

Antes da vistoria as obras da UBS, o governador Romeu Zema conheceu a Feira Livre Mário Totonho, reforçada após o projeto que entregou dez kits-feira com cerca de 800 itens, entre barracas, carrinhos, balanças, caixas plásticas e jalecos. Os feirantes do município também passaram por curso de capacitação.

“É uma satisfação ver essa melhoria, que é resultado de um esforço da prefeitura e, também, do Governo de Minas, que destinou recursos para essa feira por meio do acordo. E, para mim, como governador, é muito bom ver que a vida das pessoas está melhorando e que o Estado e a Prefeitura foram responsáveis por isso. Neste caso, retirando essas pessoas que antes ficavam na calçada vendendo seus produtos e que têm, agora, um lugar seguro e organizado, inclusive melhorando a vida de quem compra também”, finalizou o governador.

 

Gil Leonardi / Imprensa MG


Outros compromissos

Em série de agendas em cidades da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), o governador também se reuniu, ao longo do dia, com prefeitos e lideranças de Itatiauçu de Minas, Itaguara, Crucilândia, Bonfim, Mário Campos e Sarzedo.

Em Itatiaiuçu de Minas, ele conheceu projeto da Usiminas para transformação de uma antiga barragem em parque central. Já em Crucilândia, o governador ainda acompanhou de perto o trabalho realizado pela Associação dos Protetores das Pessoas Carentes (Assopoc). A instituição é referência na assistência social e no acolhimento humanizado de idosos, adultos, jovens, crianças e pessoas com deficiência múltipla e intelectual em situação de vulnerabilidade social.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *