ZERO83

Notícias da Paraíba e Nordeste, futebol ao vivo, jogos, Copa do Nordeste

Agência Minas Gerais | Série de ações da Campanha Minas Pelos Direitos Delas marcam Dia Internacional da Mulher 

Neste Dia Internacional da Mulher, a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social de Minas Gerais (Sedese-MG) está envolvida em atividades que celebram o Dia Internacional das Mulheres. Nesta sexta-feira (8/3), como parte da Campanha Minas Pelos Direitos Delas, foi instalada a Câmara Integrada de Políticas dos Direitos das Mulheres de Minas Gerais. 

A iniciativa da Sedese vai reunir diversos órgãos e instituições com objetivo de promover e defender os direitos das mulheres no estado. “Tenho certeza de que todos nós juntos vamos fazer uma política dos direitos das mulheres em Minas Gerais muito mais forte porque é uma política transversal”, afirma a secretária de Estado de Desenvolvimento Social, Elizabeth Jucá. 

A Câmara é uma instância de governança colegiada, sob a coordenação da Sedese, responsável por estruturar e articular agendas para promoção de políticas públicas, e vai fortalecer a atuação governamental na promoção da igualdade de gênero e na garantia dos direitos das mulheres em Minas Gerais. 

“Hoje instalamos uma Câmara integrada com a intenção de articular toda essa governança relacionada à pauta das mulheres, de forma que possamos ter resultados mais efetivos e uma atuação mais assertiva entre todos os órgãos do governo”, ressalta a subsecretária de Política dos Direitos das Mulheres, Soraya Romina. 

Atuação integrada

Além da Sedese-MG, a Câmara será formada pelas secretarias de Estado de Saúde (SES-MG), Educação (SEE/MG), Planejamento e Gestão (Seplag-MG), Justiça e Segurança Pública (Sejusp), e Cultura e Turismo (Secult-MG), além da Polícia Militar (PMMG), Corpo de Bombeiros Militar (CBMMG) e Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG).

Sedese-MG / Divulgação

A delegada-geral da PCMG, Letícia Gamboge, destacou que “a PCMG, a Sedese-MG e as demais forças de segurança estarão unidas em prol da defesa dos direitos das mulheres. Este é um momento simbólico de reflexão quanto à necessidade da afirmação desses direitos. O poder público está unido, capitaneado pela Sedese-MG, para que nós possamos fazer a diferença e que cada vez menos haja violação de direitos das mulheres”, reforça Gamboge. 

Após a instalação da Câmara Integrada, os próximos passos incluem o início das reuniões ordinárias com os representantes indicados por cada órgão ou instituição participante. Serão realizados alinhamentos estratégicos em torno da política estadual para os direitos das mulheres. Ficou acordado, preliminarmente, que a primeira reunião da Câmara será realizada no início de abril, quando serão definidos os primeiros encaminhamentos da Câmara. 

Solenidade 

A Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, recebeu a solenidade que contou com a participação dos órgãos governamentais que compõem a Câmara Integrada, além de outras importantes instituições convidadas, como a Empresa Mineira de Comunicação (EMC), a Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais (DPMG), a Fundação João Pinheiro (FJP), a Controladoria Geral do Estado (CGE-MG) e a Ouvidoria Geral do Estado (OGE-MG). 

“Tenho plena convicção que a partir da instalação da Câmara, teremos mais condições de fazer chegar a política para as mulheres nos 853 municípios, de forma que tenhamos capacidade de atender as mulheres nas suas necessidades e diversidades”, complementa a subsecretária Soraya Romina. 

Minas Pelos Direitos Delas 

No contexto do mês dedicado às mulheres, a Sedese-MG também participou de outras atividades ao longo do dia. Pela manhã, o Ônibus Lilás integrou a Carreata da Rede de Enfrentamento à Violência de Gênero contra as Mulheres e Meninas de Minas Gerais, e percorreu a região central de Belo Horizonte. 

O veículo da secretaria, que leva serviços especializados às localidades remotas do estado com altos índices de violência contra mulheres, ajudou na mobilização da carreata. 

O Circuito Sempre Vivas na Praça Sete, coordenado pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), também levou ao centro de Belo Horizonte debates, rodas de conversa, apresentações culturais e prestação de serviços voltados às mulheres. 

A Sedese-MG participou divulgando os serviços de acolhimento psicossocial e orientação jurídica do Centro Estadual Risoleta Neves de atendimento às mulheres em situação de violência doméstica, além da divulgação do Protocolo Fale Agora de prevenção e enfrentamento à violência sexual nos espaços de lazer e turismo em Minas Gerais. 

Sedese-MG / Divulgação

Campanha segue durante o mês de março 

A Campanha Minas Pelos Direitos Delas segue até o dia 31/3. Já neste domingo (10/3), a Sedese-MG estará presente no “Espaço Delas”, na Praça da Savassi, em Belo Horizonte, das 9h às 13h. 

A ação coordenada pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) vai divulgar os serviços e ações para o enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher, sensibilizando a sociedade sobre a importância da prevenção e do combate à violência. 

Nos dias 20 e 21/3, será instalado o Fórum Estadual de Organismos de Políticas para Mulheres de Minas Gerais, um espaço de interlocução e interação entre os Organismos de Políticas para Mulheres (OPM’s) nas esferas estadual e municipal, e vai promover a troca de experiências, ambiente de formação e fortalecimento da política para mulheres no estado. 

Já no dia 26/3, a Subsecretaria de Políticas dos Direitos das Mulheres (SubPDM) vai promover a live “Prevenção e Enfrentamento da Violência contra a Mulher: uma agenda global”, no canal da Sedese. 

Confira a programação completa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *