ZERO83

Notícias da Paraíba e Nordeste, futebol ao vivo, jogos, Copa do Nordeste

Agência Minas Gerais | Pavimentação do trecho de rodovia entre Paula Cândido e Divinésia já atinge 20% dos serviços executados

Esperada há quatro décadas pela população, as obras de pavimentação dos 18 quilômetros da MG-280 entre Paula Cândido e Divinésia, na Zona da Mata, já estão com 20% dos serviços concluídos e os trabalhos devem ganhar novo impulso com o fim do período chuvoso. 

Iniciadas em junho de 2023, a pavimentação já foi concluída em dois quilômetros da via, que também recebe serviços de terraplenagem, drenagem, sub-base e sinalização horizontal e vertical. A previsão, conforme cronograma do Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG), é que as obras sejam finalizadas até final de 2024, já considerando as paradas técnicas em função do período chuvoso. 

A pavimentação da MG-280, considerada um marco e a realização de um sonho dos moradores da região, é viabilizada por meio do Provias, maior programa de obras rodoviárias da última década, realizado pelo Governo de Minas, e de emendas parlamentares, com investimento somado de aproximadamente R$ 40 milhões.

Após a conclusão da obra, o trecho passa a ser uma rota alternativa entre Viçosa e Ubá e irá beneficiar diretamente os municípios de Paula Cândido, Divinésia, Visconde do Rio Branco e Senador Firmino. Com a pavimentação, a indústria moveleira e o agronegócio da região ganham maior produtividade e capacidade de escoamento.  

Provias  

O Provias se divide em dois eixos: recuperação funcional, com objetivo de promover melhorias no pavimento das estradas em pior estado de conservação; e pavimentação e construção de pontes, com foco em viabilizar novas ligações entre importantes regiões de Minas Gerais. 

As intervenções visam reverter a situação precária em que se encontram muitas rodovias mineiras devido ao baixo investimento realizado por gestões anteriores na manutenção das estradas. No total, são mais de cem obras de recuperação funcional e de pavimentação e construção de pontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *