ZERO83

Notícias da Paraíba e Nordeste, futebol ao vivo, jogos, Copa do Nordeste

Noticias

Prefeitura inicia entrevistas para seleção de cuidadores sociais voluntários

Etapa II

Prefeitura inicia entrevistas para seleção de cuidadores sociais voluntários

10/04/2023 | 12:00 | 211

A Prefeitura de João Pessoa, através da Secretaria de Educação e Cultura de João Pessoa (Sedec-JP), Divisão da Educação Especial (DEE), deu início nesta segunda-feira (10) ao processo de entrevista individual presencial dos candidatos que estão concorrendo a uma das 700 vagas no Processo Seletivo Simplificado para a função de cuidador do Programa Educador Social Voluntário. As entrevistas acontecem até sexta-feira (14) na Escola de Formação (antigo Centro de Capacitação dos Professores), localizada na Avenida Ministro José Américo de Almeida, nº 2.727, Miramar.

Para conferir o dia e horário da entrevista, basta acessar o https://sedec.joaopessoa.pb.gov.br/selecao-cuidador-voluntario/Edital_Convocacao_Etapa_2_Entrevista_Individual_Selecao_Cuidador_2023.pdf.

Cada entrevista tem duração máxima de 30 minutos e o candidato deverá ainda entregar o curriculum vitae. Os critérios de desempate nessa fase serão o maior tempo de experiência na atividade e a idade do candidato.

Aline Regina Santana Tavares já trabalha como cuidadora desde o ano de 2016 e desta vez resolveu concorrer a uma das vagas para trabalhar nas unidades de ensino da Rede Municipal de Educação. “Eu queria muito ter esse novo conhecimento, essa nova experiência. Essa função precisa de amor, compaixão pelo próximo. Se você não tem toda essa dedicação fica difícil trabalhar”, falou Aline.

Quem compartilha do mesmo pensamento é a cuidadora Adilene Gonçalves, que também está concorrendo a uma das vagas. “Quero aproveitar essa oportunidade que a Prefeitura de João Pessoa está nos dando que é para nos dedicarmos a essas crianças, cuidar delas, darmos o nosso melhor de amor e carinho”, disse.

O candidato convocado para a entrevista que, por alguma razão, estiver impedido de comparecer ao local no dia marcado, poderá se apresentar na Divisão de Educação Especial, que fica no Centro Administrativo Municipal (CAM), em Água Fria, mediante comprovação da impossibilidade, no prazo máximo de três dias úteis.

Convocação – Serão convocados de imediato os 350 primeiros colocados. Os demais ficarão no cadastro de reserva, condicionado à necessidade do atendimento aos estudantes, público-alvo da Educação Especial, matriculados no ano letivo de 2023, obedecendo à legislação vigente.

“Essa seleção representa um avanço para a Rede. Agora vamos ampliar o quadro de cuidador. Neste ano tivemos um crescimento de 40% número de estudantes com deficiência nas unidades de ensino. Em 2022 tínhamos 2.800 alunos. A chegada desses novos cuidadores vai ajudar a potencializar ainda mais o serviço” afirmou a diretora da DEE.

O candidato que se sentir prejudicado pelo resultado preliminar da entrevista, que será divulgado no dia 18 (terça), poderá interpor recurso, de forma exclusivamente remota, à Comissão Organizadora do Processo Seletivo nos dias 19 (quarta) e 20 (quinta) de abril de 2023, por meio do e-mail cuidadorsocialvoluntário2023@educa.joaopessoa.pb.gov.br apresentando fundamentação, conforme modelo disponibilizado no link https://sedec.joaopessoa.pb.gov.br/selecao-cuidador-voluntario/anexo-ii.pdf.

Cada cuidador social voluntário poderá concorrer até duas vagas, desde que sejam em horários distintos, e receber até R$ 1.400. O cuidador irá desempenhar suas atividades nos Centros Municipal de Educação Infantil (CMEIs) e/ou nas escolas municipais, conforme a necessidade identificada pela Sedec.

Atribuições – A função de cuidador visa prestar auxílio diretamente aos estudantes que possuam deficiência física, intelectual, visual, transtorno global do desenvolvimento e altas habilidades e superdotação, assistindo-os, quando comprovada a necessidade, quanto aos cuidados básicos de alimentação, higiene, locomoção, recreação e organização das condições do ambiente escolar para realização das atividades orientadas pelo professor em aula regular.

O cuidador deverá ainda acompanhar e prestar auxílio aos estudantes durante as atividades pedagógicas, para que possam realizá-las, e as propostas pelos professores durante as aulas e atividades extraclasse, visando, assim, a efetiva participação pedagógica destes estudantes na unidade educacional.

  • Texto: Alexandre Quintans Edição: Andrea Alves Fotografia: Assessoria

  • Secretarias

    sedec

  • Tags

    cuidadores voluntários educação entrevista etapa II processo seletivo simplificado Programa Educador Social Voluntário sedec