ZERO83

Notícias da Paraíba e Nordeste, futebol ao vivo, jogos, Copa do Nordeste

Hospital Regional de Mato Grosso do Sul renova selo de Hospital Amigo da Criança – Agência de Noticias do Governo de Mato Grosso do Sul

Conferido pelo Ministério da Saúde, HRMS é a única unidade hospital de Campo Grande a possuir o selo desde 2003

O HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul) celebrou nesta sexta-feira (21) a renovação do selo IHAC (Iniciativa Hospital Amigo da Criança), um reconhecimento conferido pelo Ministério da Saúde aos hospitais que se destacam no incentivo e apoio ao aleitamento materno.

A certificação é fruto de um rigoroso processo de avaliação que comprova o cumprimento dos 10 passos para o sucesso do aleitamento materno, estabelecidos pelo Unicef e pela Organização Mundial da Saúde (OMS), reavaliada a cada três anos.

“Foi uma grande conquista para o hospital pela própria condição de pós-pandemia onde as equipes se esforçaram muito para que pudessem retomar todas as boas práticas que já aconteciam, mas que foram prejudicadas. Não é um selo fácil de ser conquistado, pois existe uma exigência muito fortalecida das boas práticas de parto e nascimento, da amamentação e da proteção dessa amamentação”, disse a avaliadora Neide Maria Silva da Cruz.

A condução do processo de avaliação é realizada pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), que conta com uma equipe treinada pelo Ministério da Saúde.

“A secretaria ajuda na condução desse processo de avaliação. Esses profissionais foram capacitados pelo Ministério da Saúde e ficam disponíveis para fazer a avaliação nas unidades. O estado contempla quanto a disponibilidade de convocar esses avaliadores em tempos para fazer a avaliação”, disse a Liliane Dias Tenório Rodrigues, referência técnica em aleitamento materno da SES.

Desde 2003, o HRMS é a única unidade hospitalar de Campo Grande a ostentar o selo IHAC, demonstrando um compromisso contínuo com a saúde e bem-estar de mães e recém-nascidos.

“Para manter essa certificação, o hospital não apenas cumpre os 10 passos, mas também adota práticas de cuidado respeitoso e humanizado durante o pré-parto, parto e pós-parto, assegura o livre acesso e permanência dos pais junto ao recém-nascido internado, 24 horas por dia, e segue rigorosamente a Norma Brasileira de Comercialização de Alimentos para Lactentes e Crianças na Primeira Infância (NBCAL)”, disse a coordenadora da linha materno infantil do HRMS, Dra Vanessa Chaves Miranda.

A diretora-presidente do HRMS, Dra. Marielle Alves Corrêa Esgalha, expressou orgulho pela conquista: “A renovação do selo IHAC é um testemunho do nosso compromisso inabalável com a promoção do aleitamento materno e com a prestação de um cuidado humanizado e de qualidade às mães e bebês atendidos em nossa unidade. Quero parabenizar toda a equipe envolvida nesse processo se a qual não conseguiríamos renovar o selo”.

Sobre o IHAC

A Iniciativa Hospital Amigo da Criança (IHAC) é um programa do Ministério da Saúde que busca promover, proteger e apoiar o aleitamento materno, essencial para a saúde dos recém-nascidos.

A iniciativa, criada pelo Unicef e pela OMS, estabelece critérios rigorosos que os hospitais devem seguir para serem reconhecidos como Amigos da Criança, garantindo um ambiente de apoio às mães e seus bebês.

Para se tornar Amigo da Criança, o hospital deve, além de cumprir os Dez Passos:

  •      – Cumprir a Norma Brasileira de Comercialização de Alimentos para Lactentes e Crianças na Primeira Infância (NBCAL), que inclui a Lei 11.265 de 03 de janeiro de 2006, o Decreto nº 9.579, de 22 de novembro de 2018 e Resoluções da Anvisa RDC nº 221 e nº 222 de 2002.;
  •      – Garantir livre acesso à mãe e ao pai e permanência da mãe ou pai, junto ao recém-nascido, durante 24 horas, conforme Portaria nº 930 de 10 de maio de 2012, devendo o hospital ter uma Política escrita, a respeito, que seja rotineiramente transmitida a toda equipe de cuidados de saúde;
  •        -Incluir no processo de avaliação da IHAC o critério global – Cuidado Amigo da Mulher devendo o hospital ter uma Política escrita, a respeito, que seja rotineiramente transmitida a toda equipe de cuidados de saúde.